Terra Encantada

A Terra é um ser vivo. Inspira, expira, evolui.
O quotidiano é um segundo perdido no infinito.
Os seus habitantes, são a areia de um deserto onde a vida se manifestou.

Vivem em sociedades pretensiosas, doentes, espalhando lixo cósmico que infeta o ar, envenena a água e corrói a seiva do planeta.

No entanto, ainda há aqueles que invocam a luz e conhecem os mistérios.
Percorrem o espaço e o tempo.
Vivem numa dimensão paralela, sabem ler as estrelas, escutam a voz da natureza.

Esta é a história de uma dimensão oculta que se funde com o real porque o Homem continua a separar os factos e dividir o mundo em crenças.

No mesmo espaço coabitam varias realidades: visível e invisível, material e imaterial – pois todas as manifestações provém da mesma essência.

Há um colar de sete pérolas celestes que percorrem o infinito.
Cada pérola é um planeta que encerra sete ciclos de existência.
Em paralelo, vários mundos fazem a sua evolução, em estádios e ritmos diferentes.
Quando a vida num planeta termina, os Seres Escolhidos são levados para outro lugar, onde irão despertar a consciência latente e iniciar uma Nova Era.

Espiral de tempo, numa cadeia inquebrável.

E assim se vai escrevendo a história da humanidade terrestre, contada através de factos e lendas, no espaço intermédio onde fantasia e realidade de fundem
Limiar entre a memória colectiva do mundo, e os vestígios arqueológicos de um sonho que não sabemos de onde veio, nem podemos explicar..

 

Inês Soares (do meu baú)
Foto: Ellie Saab

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *