Astrologia Humanista

Dane Rudhyar desenvolveu no inicio do séc XX a chamada ‘Astrologia Humanista’.
Mais tarde, esta adquiriu também um carácter “transpessoal” (de orientação espiritual) que considera o homem inserido numa teia infinita de forças, e propõe um carácter transformativo do Ser.

A Astrologia ‘Transpessoal’ (ou Humanista) professada por Rudhyar não vê o homem como mera peça de uma comunidade (ainda que sob determinados aspectos, não deixe de o ser), mas como o centro do Universo:
É a “Astrologia centrada na pessoa”.

Segundo esta abordagem, o Mapa Natal reflecte o Homem em si mesmo e não apenas o céu sob o qual este nasceu.
O mapa não reflecte apenas a vida de uma pessoa, mas as suas potencialidades.

Todos os sectores do mapa estão interligados de uma forma indivisível, e todos eles, em conjunto, são o retrato da sua “essência”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *